Seven Seas

Seven Seas RPG, uma Terra em um universo paralelo no século XVII, a era de ouro da pirataria. Aventuras de capa e espada, batalhas navais e um mundo inteiro pra descobrir e explorar o aguardam.

Fale Conosco

Procurados
Procurados Seven Seas

Últimos assuntos
» Parceria com Hero Story RPG
Sex 06 Jul 2018, 15:15 por Eric-Nero

» [Aventura] Um novo começo
Sex 29 Jun 2018, 11:03 por OtakuFedido

» [Aventura] Tudo tem seu preço... A ser pago.
Qua 09 Maio 2018, 23:04 por Delara

» [Evento] Chegada ao deserto
Qua 02 Maio 2018, 09:45 por Hiruma

» [Aventura] A Escola de Feitiçaria Francis para Piratas.
Ter 10 Abr 2018, 13:11 por Francis Mc'Dowell

» [Ficha] Anne Bonny - Anne Bonny
Sex 06 Abr 2018, 08:07 por Teach

» O Barco Escravista
Qua 04 Abr 2018, 22:12 por Apolo

» [Tripulação] Bad Company
Ter 03 Abr 2018, 09:09 por Teach

» [Evento] Delegação de Persis
Sab 31 Mar 2018, 15:20 por Hiruma

Prêmios do Mês
Hiruma
Narrador
Eponine
Herói
Missão
Francis
Interpretação
Kristopher
Vilania
Staff Online

Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Por favor, faça o login para responder

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

em Ter 18 Jul 2017, 03:47


Adalberth LaFrançois Plunderblood

Francis Taletreader


Informação do Personagem


Idade: 24
Sexo: Masculino
Nação: Montaigne
Nação Atual: Comunidade Samártica
Grupo: Aventureiro
Religião: Agnóstico Politeísta
Reputações:
Fortuna: 0
Idioma: Teano Antigo, Montaigne, Comunidade Samártica
Corrupção: 0
Sociedade Secreta:
Estilo Duelista: De Vore Politesse
Equipamento: Florete, Pistola, Foco Arcano


Status

Atributos e Perícias


Atributos


Vigor: 1
Finesse: 3
Determinação: 2
Argúcia: 2
Panache: 3 (2+1 Montaigne)

Pericia


Armas: 1
Arte da Guerra: 0
Atletismo: 1
Atuar: 1
Briga: 0
Convencer: 2
Cavalgar: 1
Empatia: 2
Erudição: 1
Esconder(-se): 1
Intimidar: 1
Furto: 0
Mirar: 1
Navegar: 2
Observar: 0
Seduzir: 1


Bônus

Arcanos e Formação.


Formação



SORCIER DE PORTÉ
Você dominou a arte Porté da abertura mágica de passagens.
Peculiaridade
Você ganha um Ponto Heroico ao fechar uma Blessure que um Vilão tenha escancarado.
Vantagens: Feitiçaria, Feitiçaria e Noção de Tempo
Perícias: Empatia, Esconder(-se), Cavalgar, Erudição, Seduzir




DUELISTA
Você dedicou sua vida a dominar a arte da esgrima.
Peculiaridade
Você ganha um Ponto Heroico ao recorrer ao fio da espada para defender um ideal nobre.
Vantagens: Academia Duelista
Perícias: Atletismo, Empatia, Intimidar, Atuar, Armas



Arcana


O Imperador
Virtude: Imponente
Acione sua Virtude. O Mestre dá um Ponto Heroico a todos os outros Heróis presentes na cena.


A Guerra
Húbris: Leal
Você ganha um Ponto Heroico quando sua Heroína volta para socorrer um compaheiro caído ou se recusa a abandonar um aliado ferido.


Vantagem


Feitiçaria - Porté


La Magie des Portails, conhecida também por “Porté” ou conhecida por “Portais mágicos”, consiste no Feiticeiro criar buracos no tecido do universo. Os Portais sangram e gritam em horror, vozes sangrentas e preencher o quarto com um vento gelado que poderia esfriar o Medula em seus ossos. Não apenas o “sangrar” dos Portais Mágicos fazem parte da magia, mas o sangrar do Feiticeiro também é necessário.
Marca Menor: Messer
Marca Menor: Máscara
Marca Menor: Ainda decidindo
Marca Menor: Ainda decidindo
Marca Maior: L'arc en Cieau (Nau)
Marca Maior: Casa de seus pais

Noção de Tempo



Você sempre sabe que horas são. Sabe quanto falta para o sol nascer ou se pôr, com uma margem de erro de menos de um minuto.

Devotado do Mar


Você tem acesso a uma Nau. Se você e seus aliados já tiverem acesso a uma Nau, então sua Nau receberá mais uma Formação. Consulte o capítulo “Navegação”, para obter mais informações.

Joie de Vivre (3 se for Montenho)


Pouco antes de ocorrer um confronto com um Vilão, use um Ponto Heroico para fazer algum tipo de comentário sagaz ou incisivo, como: “É quando tudo parece tenebroso que a alma mais resplandece”. Todo Herói que ouvir esse discurso, no próximo lance de dados que fizer, contará todos os dados que produzirem resultados iguais ou inferiores a seu respectivo Grau de Perícia como se fossem 10s.

Guilda dos Duelistas


Manobras:
- Cortar
Uma manobra básica usada para atacar, mas uma que até o mais talentoso garoto da rua deseja que pudesse dominar. Quando você executar Cortar, causa ferimentos iguais ao seu grau em Armas.
- Aparar
A arte de colocar sua arma entre si e o perigo. Execute Aparar para impedir que receba um número de ferimentos igual ao de seu Grau em Armas. Você só pode ativar Aparar em sua Ação, imediatamente após a Manobra que causou seus Ferimentos.
- Finta
Se colocando e Postura e posicionando de tal forma que seu oponente baixa sua guarda ou tenta bloquear um ataque que nunca vem. Quando você executa Finta, você faz um ferimento - se seu alvo estiver machucado novamente nesta rodada, ele sofre uma ferida adicional.
- Estocada
Uma manobra imprudente e às vezes desesperada, mas capaz de acabar imediatamente com um conflito. Quando você executar uma estocada, gaste todas as suas Apostas. Você causa ferimentos igual a seu Grau em Armas mais as Apostas que você gastou. Essas feridas não podem ser evitadas.
- Pancada
Forçando a perder o equilíbrio - com o seu pomo ou um punho fechado - para tornar seu próximo ataque menos eficaz. Quando você executar Panca, Causa um ferimento; A próxima vez que seu alvo causa ferimentos, nesta rodada, ele faz um ferimento a meno para cada Grau que você tem em Armas.
- Contra-Ataque
Falha em dominar o Contra-Ataque resultou em mais alunos não conseguindo se formar em sua Academia do que qualquer outra manobra. Quando você executa um Contra-Ataque, você evita um número de ferimentos igual a seu Grau em armas, e causa um número de ferimentos igual a seu Grau em armas. Você só pode executar o Contra-Ataque em sua Ação e deve executá-lo na Ação imediatamente após a Manobra que causou os Ferimentos que planeja impedir. Um Duelista só pode realizar esta Manobra uma vez por Rodada.
- Bônus do Estilo: De Vore Politesse
Enquanto empunhar um florete em sua mão primária, você ganha uma Manobra especial chamada de Vore Politesse. Quando você executa essa Manobra, você gasta todas as suas apostas e escolhe um personagem (você pode escolher a si mesmo) na mesma Cena que você. De Vore Politesse impede todas as Feridas dadas a aquele personagem (até Feridas outrora impossíveis de impedir como as da Manobra Estocada ou a Ferida Dramática por levar um tiro). Feridas impedidas devem ter sido causadas por outro personagem—dano causado pelo ambiente ou Conseqüências (como explosões ou tiro de canhão) não podem ser impedidas com de Vore Politesse. Um Herói pode executar de Vore Politesse uma ver por Turno.



Aventura

Que histórias te aguardam?


Nome


Somos Amigos, Amigos do Peito

Resumo


Chegando na Comunidade Samártica, Adalberth procura por pessoas que possam fazer parte de sua tripulação para finalmente desbravar o mundo.

Final


Com o navio cheio de novos amigos, ele parte em busca de novas aventuras

Recompensa


Tripulação [?]

Passos


Passo 1: Encontrar pessoas dispostas à ajudá-lo


Passado

Me conte sobre você


Características Físicas


Estatura mediana de aproximadamente 1,72 metro e um físico mais esguio do que corpulento, porém, não desprovido de musculos. Olhos azuis escuro e cabelo castanho escuro preso em um rabo de cavalo curto. Possuí algumas cicatrizes pelo corpo, mas a maioria se concentra em sua mão esquerda. Sua roupa consiste basicamente em uma camisa típica de Montaigne por baixo de um casaco de couro escuro, possuí também um cinturão de couro vermelho com um brasão de leão. Mas o que mais chama atenção nele, é que em boa parte do tempo que passa fora de seu navio, ele veste uma máscara de leão.
Adalberth / Máscara

Características Psicológicas


Animado boa parte do tempo, mas foca muito em aprimorar suas habilidades, por mais desnecessárias que algumas sejam. Desde pequeno, ele nunca deixa um colega para trás. E tem uma certa tara pela sua colega com quem aprendeu seu estilo de duelismo junto, mas tem anos que não a vê e adora animais grandes, como baleia, albatroz e tigre.

Me conte um pouco sobre você


Filho de um nobre mercante de Montaigne e uma bela dançarina da Comunidade Samártica, viveu boa parte do tempo em meio a nobreza, apesar de não ter muita paciência pra aquilo. Quando seu pai descobriu que seu filho havia herdado a magia de seu pai (no caso, avô de Adalberth), começou a treinar o garoto para que não cometesse os mesmos erros de seu avô, que sua avó confessou ter ficado preso em uma das fendas que ele havia feito. Na semana de seu décimo aniversário, recebeu o melhor presente que tinha tido até aquele dia, três dias depois de ficar sem ver sua mãe, ela volta para casa carregando sua filha, irmã de Adalberth. Remia LaFrançois Plunderblood.
Anos se passaram, e agora o adolescente "Ad" começava a ter pensamentos de mudar o mundo e conhecer coisas novas! A mesada que ganhava de seu pai era distribuída para os pobres, e com o tempo começou a andar com eles. E mesmo seu pai brigando com o garoto, ele continuava escapando para encontrar seus colegas. A mãe sempre dizia que ele deve ter puxado o lado Samártico da família, ela falava aquilo de maneira debochosa, mesmo ela tendo nascido lá.
Um dia porém, ambos os pais tiveram que ir o posto da guarda à pedido de um guarda que tinha ido em sua casa, e lá encontraram seu filho e ficaram sabendo que havia não apenas saído com seus amigos novamente, mas que também havia participado de atos de vandalismo e furto, e quando confrontado pelos guardas, tentou proteger seus colegas e retaliar contra os guardas, não apenas isso mas como também criou uma fenda para fugir quando se viu cercado. Os pais ficaram horrorizados, pediram desculpas e levaram o garoto para casa à força, que se recusava a sair de lá enquanto seus amigos não saíssem também.
Em casa, foram longas horas de discussão, até que os dois decidiram de vez abandonar seu filho. O expulsando para fora de casa e dizendo que se ele gostava tanto dos pobres, que fosse viver com eles. Então, pegou suas coisas e partiu ao amanhecer. Se aproveitou de seu título de nobre enquanto durou e juntou uma certa quantia de dinheiro, já tinha um plano de como gastar ele... Foram dias a pé até chegar no local planejado, Auzar. Chegou lá no fim da noite, molhado pela chuva e com as mesmas roupas que havia saído de casa, bateu na porta do palácio até um homem velho com uma cicatriz o atender, pensou que fosse um pedinte, mas o garoto entregou uma bolsa de dinheiro e olhou para o homem com um olhar decidido, o homem convidou o garoto para entrar e disse suas primeiras palavras "Isso não será fácil, sabe disso?", Adalberth concordou e então o homem mostrou ao garoto onde ele ficaria e avisou que era para este estar de pé às sete da manhã.
Meses de passaram, Adalberth estava treinando junto de mais dois jovens e uma garota que devia ter talvez dois anos a mais que ele. Foi um treinamento árduo de quase um ano, mas finalmente, Adalberth, Alison e Edgar se formaram, apenas Moïse havia reprovado por não conseguir masterizar o contra-ataque. Receberam seu açoite e cada um seguiu seu caminho.
Por anos trabalhou ajudando em fazendas, carregando caixas no porto, cozinhando em tabernas, e às vezes ele conseguia um outro raro trabalho mercenário. E foi assim até ele ter dinheiro o suficiente para comprar sua nau, que rapidamente deu o nome de L'arc en Cieau, que é uma brincadeira de palavras, traduzindo algo como "Barco-íris", e junto ele comprou uma máscara de Leão, um animal que sempre gostou, afinal, ele estava saindo daquele lugar onde morou a vida toda, agora seria a hora de finalmente amadurecer e caçar! E agora, um mês depois ele havia partido para a Comunidade Samártica, onde nos livros diz que todos são iguais e tudo é de bem comum à todos.

tl;dr
Filho de nobres, não curtia ser nobre, os pais expulsaram ele de casa, ele treinou um estilo de luta, trabalhou até conseguiu comprar um barco e foi viajar.

Como seu personagem morre?


Adalberth nunca pensou em sua morte, mas se sacrificando por alguém importante para ele ou próximo de seus amigos seria uma boa maneira de ir.



Última edição por Taletreader em Qua 07 Fev 2018, 16:01, editado 10 vez(es) (Razão : Atualizar)

Ver perfil do usuário http://happyanime-blog.blogspot.com.br/

em Ter 18 Jul 2017, 09:16

Eu sei que tem coisa em Construção ainda, mas devo avisar que não se pode ter Porté e Sanderis, pra ter sanderis você precisaria da formação Zynis que é exclusiva da Comunidade Samártica.

ZYNYS (ADIVINHO)
Você encontrou o Diabo na estrada, passou a perna nele e agora os poderes do demônio estão a seu serviço.
Peculiaridade
Você ganha um Ponto Heroico ao usar o mal para fazer o bem.
Vantagens: Feitiçaria, Feitiçaria e Linguista
Perícias: Atletismo, Convencer, Atuar, Erudição, Armas

A vantagem Feitiçaria mesmo fala: "Você recebe a Feitiçaria correspondente à linhagem de
sua nacionalidade..." Eu sei da vantagem Estrangeiro pode dar conflito com isso que eu disse já que te permite crescer em uma nação diferente. Nesse caso, a linhagem sanguínea do personagem ainda é aquela que eles selecionaram no Passo 2: Bônus da Nação.


Revise as perícias que tem pontos a mais, você tem os 10 pontos que ganha das peculiaridades e 5 para distribuir (se não terminou e deixou pontos a mais por hora ignore o aviso então)

Ver perfil do usuário

em Qua 07 Fev 2018, 16:01

Esqueci de atualizar, agora deve estar tudo certo

Ver perfil do usuário http://happyanime-blog.blogspot.com.br/

em Qua 07 Fev 2018, 16:05

Ficha aceita.

Ver perfil do usuário
#5Conteúdo patrocinado 


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Por favor, faça o login para responder

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum

 
Parceiros
 | Banner PRNR | Naruto Dimension |  | Gray Island |  |  |  |  |  |  |  |  |  | Bulba RPG |  | :: Topsites Zonkos - [Zks] :: |