Seven Seas

Seven Seas RPG, uma Terra em um universo paralelo no século XVII, a era de ouro da pirataria. Aventuras de capa e espada, batalhas navais e um mundo inteiro pra descobrir e explorar o aguardam.

Procurados
Procurados Seven Seas

Staff Online
Discord

Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Por favor, faça o login para responder

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

em Qui 08 Fev 2018, 12:14

No ano 1388 AV, uma equipe de assassinos foi enviada para responder a agressão anatoli. Por gerações, as histórias dos Assassinos conseguiram manter o poder militar, mas a Imperatriz Seyma estava cansada de capitular. Adagas em seu travesseiro não a dissuadiram. Quando ficou doente pelo veneno dos Assassinos, isso só fortaleceu sua determinação. "Meus janízaros são tão leais, valentes e mortíferos quanto qualquer assassino. E se esta organização de covardes que confiam em ameaças desejam que acreditemos o contrário, deixe-os provar isso no campo de batalha".

Mahmoud, o líder da equipe despachada, inventou um plano. Com a benção do Guardião, ele decidiu mostrar ao mundo a brutalidade que os Assassinos eram capazes de fazer. Ele ordenou que sua equipe assassinasse as jovens crianças da imperatriz, afogando-as no petróleo e deixando os corpos para serem descobertos nas câmaras reais. Isso, argumentou ele, mostraria à imperatriz que os assassinos poderiam ter acesso a qualquer um, em qualquer lugar.

Atef, um dos membros desta equipe se opôs. Matar crianças inocentes pelas ameaças de sua mãe era algo terrível a se fazer. Mahmoud já estava decidido, e o Guardião se recusou a se encontrar com Atef. Então Atef fez a única coisa que ele acreditava que ele poderia - ele protegeu os filhos reais de Anatol Ayh contra seus irmãos. Quando os assassinos se prepararam para atacar, eles não encontraram dois filhos dorminhos, mas Atef implorando com eles para abandonar essa tarefa sangrenta. O Guardião deve ter ficado louco se ele permitiu que isso acontecesse, ele argumentou. Atef defendeu o príncipe e a princesa de Anatol Ayh com sua vida, mas ele se recusou a matar seus irmãos e irmãs.

Ele os deixou ensanguentados, feridos, inconscientes — mas vivos. Somente Mahmoud conseguiu vence-lo, e para sua surpresa, Atef usou sua respiração moribunda para pedir novamente ao seu líder — seu irmão — por sua misericórdia em favor desses filhos. Mahmoud estava convencido. Em face de tal nobreza e pureza da alma, ele se viu incapaz de terminar a tarefa. Ele passou o resto da noite extraindo seu time ferido do palácio de Anatoli, incluindo o corpo de Atef. Quando os outros acordaram, ele lhes contou o que aconteceu, e todos comprometeram-se a honrar o sacrifício de seu justo irmão.

Estes foram os primeiros membros de Alnniqabat Lilnnusr - A Guilda da Águia. A Guilda, talvez a sociedade mais verdadeiramente secreta em toda a Terra, eram em sua essência traidores. Eles obrigaram-se a manter os Assassinos puros, a fim de garantir que sua causa fosse justa e, acima de tudo, policiar seus Irmãos e Irmãs - e isso incluiu seu líder honrado, o Guardião do Primeiro Jardim.

A Guilda mantém os Assassinos honestos. Às vezes isso significa deixar um assassino prosseguir normalmente, se o alvo culpado merecer o destino que rapidamente desce sobre ele. Às vezes, isso significa frustrar um esquema de assassinato, derrubando um alvo, causando uma distração ou agitação que faz o assassinato impossível de completar, ou confrontando diretamente o Assassino e convencendo-a de abandonar o assassinato. E às vezes isso requer o maior dos sacrifícios - tomando o lugar do alvo, colocando-se no caminho de uma faca do assassino para poupar uma vida que ainda não deveria acabar.

Nas décadas seguintes ao assassinato falho dos filhos da Imperatriz Seyma, os medos de Atef sobre a loucura do Guardião mostraram ser verdade. No entanto, nos últimos anos, o Guardião mudou, como se estivesse acordando de um longo sono para ver a corrupção de sua organização justa. Agora, ele trabalha com a Guilda para restaurar a honra do assassino.

Membros de Alnniqabat Lilnnusr, muitas vezes assassinos que anteriormente cometeram grandes crimes, foram resgatados por outras Águas, mas na última década a Guilda tem recrutado quem não é assassino também. Atualmente, a principal agenda política da Guilda é limpar a ordem dos próprios Assassinos - com as iniciativas do passado do Guardião, muitos membros da própria ordem se tornaram pouco mais do que mercenários, usando suas habilidades e contatos para se tornar assassinos contratados. A Guilda da Águia caça incansavelmente esses homens e mulheres. Quando apanhados, esses assassinos desonestos sempre recebem uma chance de redenção. Uma pessoa é maior e melhor do que a pior coisa que ela já fez.

Favor junto à Alnniqabat Lilnnusr

A Heroína que pertence à Alnniqabat Lilnnusr pode ganhar Favor das maneiras a seguir.
• Capturar um assassino desonesto vale 5 pontos de favo. A Guilda trata um assassino capturado como uma vítima em vez de um inimigo — ele sofreu uma lavagem cerebral, voltou-se para um propósito sombrio, mas isso não é necessariamente sua culpa. A Guilda trabalha para reabilitar esse indivíduo, esperando despertá-lo para os horrores que ele cometeu e devolvê-lo a um caminho de ação mais justo.
• Tomar o lugar de uma vítima vale 8 pontos de favor. Um membro da Guilda que não consegue parar uma trama de assassinato de qualquer outra forma às vezes opta por se colocar no caminho da arma, como Atef fez. A Guilda considera isso excepcionalmente honorável, mas não deve ser feito sem pensar. Tal agente é visto como tendo um desejo de morrer — alguém só consegue se esquivar das lâminas por tanto tempo até sofrer o primeiro corte.

A Heroína que pertence à Alnniqabat Lilnnusr pode pedir auxílio das maneiras a seguir.
• Ganhar uma audiência com um assassino em particular custará 4 pontos de favor. Normalmente, um agente não precisa saber o nome do Assassino para realizar isso - uma área de operação ou um alvo de assassinato é suficiente. Tal assassino muitas vezes protege sua identidade durante esta reunião, recusando-se a ser visto diretamente (se escondendo, por exemplo). Qualquer tentativa de persuadir o Assassino para acompanhar um curso de ação (como atrasar sua greve ou informações comerciais) ganha 2 Dados de Bônus durante esta reunião.
• Visitar o Primeiro Jardim custará 8 pontos de favor. O agente também pode encontrar o Guardião e solicitar informações ou conselhos dele. Muitos dizem, no entanto, que o Guardião diz o que você precisa ouvir e não o que você quer ouvir.

Ver perfil do usuário

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Por favor, faça o login para responder

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum

 
Parceiros
 | Banner PRNR | Naruto Dimension |  | Gray Island |  |  |  |  |  |  |  |